EMPRESAS BRASILEIRAS EM PORTUGAL

Muitas empresas brasileiras em Portugal estão presentes no país há décadas. Que as marcas brasileiras em muitos segmentos são bem avaliadas, essa também não é uma novidade.

No metrô, você pode acompanhar a agenda de shows de uma dezena de artistas brasileiros. No meio artístico se comenta que Portugal é a estreia no mundo internacional para quem almeja novos rumos.

Lembro que há muitos anos em uma visita minha em Portugal, fui surpreendido ao ver na rua um imenso outdoor da cerveja Sagres com a imagem da Ivete Sangalo.

Eu senti ao mesmo tempo um orgulho danado e um sentimento de surpresa, não tinha a mínima ideia de que havia tamanha entrada da nossa cultura em Portugal.

Que fique claro também que em muitos outros países da Europa isso se repete em um menor grau. Espanha, Itália, França e outros países têm especial apreço por nossa cultura.

Em um movimento mais recente, marcas brasileiras estruturam sua entrada no mercado de Portugal ou fizeram deste país sua planta fabril.

Vamos entender alguns destes casos e também como se estrutura Portugal para acolher empresas brasileiras.

Quero também apresentar neste artigo alguns cases de sucesso da Atlantic Hub neste processo de internacionalização.

PORTUGAL E SUA ORGANIZAÇÃO EM CLUSTERS

Portugal tem em seu território uma organização nos chamados clusters. Estes são por sua vez arranjos produtivos que organizam segmentos e setores em uma região.

Se você, por exemplo, quiser internacionalizar sua empresa de tecnologia, deverá provavelmente se instalar em Lisboa ou Porto.

Caso seu interesse seja internacionalizar uma indústria, precisaremos com atenção entender como será a produção de resíduos ou a cadeia de suprimentos.

Estando na região correta, financiamentos, incentivos fiscais e governamentais têm mais probabilidade de acontecerem.

Para você ficar atento ao melhor local para instalar sua empresa brasileira em Portugal, relaciono abaixo os cinco principais clusters.

CLUSTER TICE – REGIÃO LISBOA:

Este tem sido, para nós da Atlantic Hub, o principal cluster de interesse de empresas brasileiras em Portugal. Desde negócios ligados ao desenvolvimento de sistemas, tecnologia da informação ou ainda, hunting de profissionais, temos percebido um crescimento importante no número de empresas brasileiras em Portugal.

Lisboa com sua grande concentração de espaços para empresas de tecnologia e ainda com grande quantidade de mão de obra, atraem estrangeiros e brasileiros para morar e trabalhar na cidade. As universidades, por sua vez, fazem parte da estrutura oferecendo formação.

Programas de incentivos e o Web Summit despontam como grandes atrativos e transformam cada dia mais Lisboa como um enorme hub de inovação.

CLUSTER ENGINEERING & TOOLING – REGIÃO PORTO:

O setor metal mecânico, bem conhecido por nós brasileiros, tem forte presença na região de Porto. Importantes indústrias e empresas de serviços têm acesso a recursos para suas operações e expansões.

Setor tradicional também na geração de emprego conta nesta importante região de Portugal com bom acesso e condições de atuação.

Leia também: COMO SERIA UM MARKET FIT PARA CADA PAÍS DA EUROPA?

CLUSTER AED – REGIÃO ÉVORA:

Mais de 400 milhões de euros em exportação apenas no último ano destaca este segmento como um importante ativo da economia portuguesa. Com empresas importantes no mundo como a Embraer do Brasil, Portugal atrai ano após ano mais empresas para seu cluster.

Grandes oportunidades na prestação de serviços geram possibilidades para novas empresas e novos players.

CLUSTER DO MAR – REGIÃO LERIA (EMPRESAS BRASILEIRAS EM PORTUGAL):

Portugal tem o oitavo maior espaço marítimo do mundo. Sua indústria de exportação de serviços neste segmento cresce ano após ano.

Com grandes incentivos governamentais bem como oportunidades residem neste segmento.

CLUSTER TURISMO – REGIÃO ALGARVE:

Com 7% da economia, este cluster apresenta forte dinamismo econômico para Portugal. Tendo como ativos culturais o país inteiro, Portugal é um dos destinos mais visitados do mundo.

Sua beleza e história reforçam esta vocação. Alimentado pelo turismo, o segmento de alimentação conhecido por lá como restauração conta com grande número de empresas e diversidade.

Ligado a economia criativa, este segmento é uma das prioridades para o estado português. Estar empreendendo neste ramo é contar um conjunto forte de ações e oportunidades.

Existem outros clusters em Portugal, tais como Recursos Minerais, Smart Cities, Habitat Sustentável, Plataforma Ferroviária e ainda Produtech, compreendem os setores que têm sua organização norteadas pela metodologia dos clusters.

Para aprofundar o seu entendimento em relação a esta estruturação em Portugal, leia o artigo clusters em Portugal.

EMPRESAS BRASILEIRAS ESTÃO PRESENTES HÁ DÉCADAS EM PORTUGAL

Como comentei, a presença de empresas brasileiras em Portugal já remonta a muitas décadas. Apenas as cachaças, Velho Barreiro e 51 estão presentes desde o final dos anos 80.

Mas a lista é grande, veja alguns exemplos de empresas brasileiras em Portugal:

O Boticário, presente em lojas e shoppings, já tem sua expansão presente em outros países da Europa.

Rede Globo, onipresente em seus programas e as famosas novelas, há anos transmite para Portugal e tem importante receita com este país.

A Embraer, instalada em Évora, exporta da sua unidade portuguesa aviões para a Europa. Em Évora algumas dezenas de empresas existem em função do polo criado pela Embraer, muitas delas brasileiras ligados ao polo metal mecânico.

WEG, uma das maiores fabricantes de motores do mundo a Web, nascido no Rio Grande do Sul com dezenas de unidades no mundo, também está presente em Portugal.

Havaianas, a marca brasileira de sandálias de pé, transformou-se na Europa em uso elitista. É uma grife respeitada assim como seus demais produtos. Muito presente com lojas e com rede de distribuição dos seus produtos em centenas de lojas.

Citei algumas marcas, mas não posso deixar de comentar a presença marcante dos produtos brasileiros em Portugal. Alimentos comuns, como tapioca, açaí, etc. são muito comuns.

Temos casos importantes de sucesso na entrada de produtos brasileiros em Portugal. Caso seu interesse seja entender faz sentido para você estudar a aderência do seu produto ou serviço  em Portugal, nós podemos ajudá-lo.

Leia também: OPORTUNIDADE: O MERCADO TÊXTIL EM PORTUGAL

CASES DE SUCESSO ATLANTIC HUB

Ao longo dos últimos seis anos, criamos, avaliamos e escalamos nossos produtos e serviços. Uma jornada de internacionalização deve ser respeitada e planejada.

Desenvolvemos um programa que chamamos de Scale Out, por ele, muitas empresas já cruzaram o Atlântico e efetivamente começaram a prospectar e ofertar seus produtos e serviços na Europa.

Abaixo, alguns exemplos que desejo fortemente que inspirem você a começar uma nova fase conosco.

CONQUEST ONE

A empresa Conquest One instalada em São Paulo é um bom exemplo de planejamento. Ao longo dos últimos meses, estruturou, organizou e hoje conta com escritório em Lisboa dentro do nosso espaço físico  Atlantic Station.

Levar seu produto para Portugal foi construir uma nova abordagem aos produtos já existentes gerando valor ao consumidor local. Este foi o maior desafio enfrentado durante o processo na empresa Conquest One.

EMPRESAS BRASILEIRAS EM PORTUGAL: VOX DATA

Empresa instalada em Belém do Pará com produtos para o mercado financeiro. A Vox Data Technology, fornecedora das soluções Alcatel-Lucent, é sua mais nova interface, com o que há de melhor no mercado mundial no segmento de tecnologia da comunicação.

Vale lembrar que eles também atuam como fornecedores globais e líderes de mercado, em soluções de comunicação.

A empresa Vox Data iniciou suas atividades em Portugal tendo como ponto de apoio o programa de internacionalização da Atlantic Hub e as suas instalações em Lisboa.

GRUPO ALGAR

O Grupo Algar é um dos maiores grupos brasileiros de negócios. Ao longo dos anos, construiu participações em diversos setores da economia.

Com destaque no mercado de telecomunicações, turismo e serviços. Em Portugal, em nossa sede no Atlantic Station o Grupo Algar desenvolve a partir de processos construídos pela Atlantic Hub inovação e acesso ao mercado Europeu.

APEX – BRASIL

Órgão do governo federal responsável pelos programas de internacionalização de empresas brasileiras para o mundo, tem como parceiro e desenvolvedor dos seus programas em Portugal a Atlantic Hub.

Destaque o programa Start Out que no ano de 2021 foi integralmente executado pela Atlantic Hub. Vale a pena conferir:  Apex Brasil.

HM HOMEDICAL

Importante empresa brasileira do segmento de saúde com operação em quase todos os estados do Brasil.

Ao longo dos últimos meses, construiu importante plano de ações para a Europa a partir de Portugal e tem na Atlantic Hub todo o escopo necessário para esta internacionalização.

Em 2022, os planos são audaciosos e com muito planejamento e trabalho temos certeza do sucesso.

Gostou do artigo? Vamos começar a planejar sua internacionalização? Bem, agende um momento para conversarmos e juntos discutiremos seu futuro em Portugal.

Forte abraço! 

AUTOR:

BENÍCIO FILHO

Formado em eletrônica, graduado em Teologia pela PUC-SP, com MBA pela FGV em Gestão Estratégica e Econômica de Negócios, pós-graduado em Vendas pelo Instituto Venda Mais, Mestrando pela Universidade Metodista de São Paulo na área de Educação e pós-graduado em Psicanálise pelo Instituto Kadmon de Psicanálise. Atualmente está em processo de conclusão do curso de bacharelado em Filosofia pela universidade Salesiana Dom Bosco.

Atua no mercado de tecnologia desde 1998. Fundador do Grupo Ravel de Tecnologia, Cofundador da Palestras & Conteúdo, sócio da Core Angels (Fundo de Investimento Internacional para Startups), sócio fundador da Agência Incandescente, sócio fundador do Conexão Europa e da Atlantic Hub (Empresa de Internacionalização de Negócios em Portugal).

Atua também como Mentor e Investidor Anjo de inúmeras Startups (onde possui cerca de 30 Startups em seu Portfólio). Além de participar de programas de aceleração, como SEBRAE Capital Empreendedor, SEBRAE Like a Boss, Inovativa (Governo Federal) entre outros.

Palestrando desde 2016 sobre temas, como: Cultura de Inovação, Cultura de Startups, Liderança, Empreendedorismo, Vendas, Espiritualidade e Essência. Já esteve presente em mais de 230 eventos (número atualizado em dezembro de 2020). É conselheiro do ITESCS (Instituto de Tecnologia de São Caetano do Sul), bem como em outras empresas e associações. Lançou em dezembro de 2019 o seu primeiro livro “Vidas Ressignificadas” e em dezembro de 2020 “Do Caos ao Recomeço”.

Construir conhecimento só é possível quando colocamos o aprendizado em prática. O mundo está cansado de teorias que não melhoram a vida das pessoas. Meus artigos são fruto do que vivo, prático e construo.