IGNITION – IMERSÃO PORTUGUESA NO BRASIL

Internacionalizar representa para muitos empresários brasileiros uma oportunidade de levar seus produtos e serviços para o mundo.

Acreditamos muito neste modelo que há mais de seis anos estruturamos programas para internacionalizar empresas brasileiras para o mundo.

Acreditamos que uma das maiores ilusões que permeiam o ambiente da internacionalização de negócios são as tais viagens para prospectar parceiros.

Quando você viaja para um país acaba tendo uma visão muito superficial do ambiente de negócios. Desta maneira, pode tomar decisões equivocadas que em sua grande maioria resultam em prejuízos.

Você pode participar de uma missão de negócios. Este sim é um modelo que acreditamos. Temos inclusive uma dezena de missões neste ano.

Mas uma viagem para prospecção não deve ser considerada em seu radar. Agora imagine ter justamente o ambiente de negócios com especialistas vindo até você?

Esse é nosso programa Atlantic Ignition. Quero neste artigo apresentar a você como mergulhar no ecossistema de negócios de Portugal estando no Brasil pode fazer a diferença em seu processo de internacionalização.

Antes, porém quero elencar a você alguns pontos do porquê muitos processos de internacionalização falham.

DEZ PONTOS DO PORQUÊ AS EMPRESAS FALHAM EM SEUS PROCESSOS DE INTERNACIONALIZAÇÃO

Internacionalizar é uma maratona, não uma corrida de cem metros. Começar um processo de internacionalização sem compreender o mercado que está sendo desejado é um erro estratégico que pode custar muito em investimento da sua empresa.

Elenquei aqui, os dez principais erros que empresas cometem ao tentar internacionalizar segundo a visão distorcida que muitos empresários têm ou ainda algumas consultorias ensinam no mercado.

Primeiro, muitas empresas veem o processo de internacionalização como uma mera expansão da empresa atual;

Segundo, não adequar os processos de marketing e comunicação ao mercado de destino;

Terceiro, a maioria das empresas tem total incapacidade de entender o que o consumidor do mercado destino, quer em termos de hábitos de consumo ou em termos culturais;

Quarto, não existe uma rede de influência e contatos que permitam penetrar no mercado de destino com sucesso;

Quinto, minimizam as dificuldades no mercado destino, sobretudo na tomada de consciência que nesses mercados ainda há fraco reconhecimento da sua marca;

Sexto, potencial descriminação por parte do mercado destino;

Sétimo, o processo de internacionalização não é uma prioridade suficientemente relevante na gestão de toda a organização;

Oitavo, não foi feita a devida adaptação da cultura da empresa a realidade dos mercados de destino, gerando conflitos com os colaboradores do mercado;

Nono, falha na seleção e recrutamento da equipe inicial da empresa no mercado de destino;

Décimo, não existe entendimento da cadeia de logística, desconhecendo leis, práticas e hábitos do mercado destino, bem como parcerias com fornecedores chave.

Leia também: ERROS E ACERTOS EM INTERNACIONALIZAR SUA EMPRESA

A SEGURANÇA EM UMA INTERNACIONALIZAÇÃO NASCE DA VONTADE DO EMPRESÁRIO E DA EQUIPE ENVOLVIDA NO PROCESSO

Nossos últimos seis anos foram dedicados aos nossos programas de internacionalização de negócios. Tenho certeza de que para você ter uma empresa com forte experiência internacional, é algo bastante relevante.

Mas nós evoluímos além de nossa experiência internacional. Criamos um hub em Portugal para assessorá-lo em todos os processos nesta jornada de internacionalização.

Destaco abaixo alguns pontos para que você compreenda melhor o hub que criamos em Portugal:

  • Equipe de especialistas, portugueses e brasileiros;
  • Soluções de acesso a capital e financiamentos;
  • Empresa de Real Estate no grupo para apoio na compra de imóveis;
  • Conexão com redes de empresas europeias;
  • Serviço de vistos e legalizações;
  • Networking, ecossistema de networking real baseado em Portugal e no Brasil;
  • Estrutura física de incubação e negócios, Atlantic Station.

Neste processo de internacionalização, você não está sozinho.

AFINAL, O QUE É O ATLANTIC IGNITION?

A Atlantic Hub desenhou, criou e implementou um processo de internacionalização que visa minimizar os potenciais desafios e acelerar o processo de integração e desenvolvimento de negócios em Portugal, como plataforma de lançamento para a Europa.

O Atlantic Ignition é o processo de internacionalização de empresas brasileiras para a Europa através de Portugal com o objetivo de preparar o processo de “transculturização” e apoiar a empresa para a entrada no mercado português e europeu.

Os princípios do programa são:

Primeiro, um processo de imersão cultural, para permitir um maior conhecimento da realidade portuguesa e, identificando claramente as principais adaptações ao mercado português;

Segundo, uma jornada de planejamento para a apresentação ao mercado, desenvolvido em formato virtual, com interações semanais com especialistas portugueses;

Terceiro, apresentação ao mercado português, em Portugal, de contatos pertinentes para o arranque do negócio;

Quarto, possibilidade de usar todo o ecossistema Atlantic Hub para o soft landing da empresa;

Quinto, acesso à possibilidade de poder vir a contratar especialistas para acompanhar o estabelecimento da empresa para Portugal;

Sexto, acesso à rede de parceiros da Atlantic Hub para o desenvolvimento do negócio;

Leia mais: COMO SERIA UM MARKET FIT PARA CADA PAÍS DA EUROPA?

AO FINAL DO PROGRAMA, QUAIS SÃO OS ENTREGÁVEIS?

  • Consciência da realidade portuguesa e europeia, em termos culturais e do negócio;
  • Market Fit do negócio (Relatório);
  • Segmentação do mercado português, “personas”, “experience map”e “customer journey”;
  • Estratégia de entrada na Europa, através de Portugal;
  • Perfil dos membros da equipe inicial;
  • Business plan;
  • Plano de ação para a entrada no mercado português;
  • Pitch de apresentação;
  • Contatos com potenciais Stakeholders (leads qualificados, investidores, parceiros etc.)

Faz sentido para você uma imersão em Portugal estando no Brasil?

Bem, pensamos em agendas com turmas anuais. Entre no link abaixo e tenha acesso às condições para participar conosco e comece hoje mesmo sua jornada rumo ao mundo por Portugal! 

Forte abraço!

AUTOR:

BENÍCIO FILHO

Formado em eletrônica, graduado em Teologia pela PUC-SP, com MBA pela FGV em Gestão Estratégica e Econômica de Negócios, pós-graduado em Vendas pelo Instituto Venda Mais, Mestrando pela Universidade Metodista de São Paulo na área de Educação e pós-graduado em Psicanálise pelo Instituto Kadmon de Psicanálise. Atualmente está em processo de conclusão do curso de bacharelado em Filosofia pela universidade Salesiana Dom Bosco.

Atua no mercado de tecnologia desde 1998. Fundador do Grupo Ravel de Tecnologia, Cofundador da Palestras & Conteúdo, sócio da Core Angels (Fundo de Investimento Internacional para Startups), sócio fundador da Agência Incandescente, sócio fundador do Conexão Europa e da Atlantic Hub (Empresa de Internacionalização de Negócios em Portugal).

Atua também como Mentor e Investidor Anjo de inúmeras Startups (onde possui cerca de 30 Startups em seu Portfólio). Além de participar de programas de aceleração, como SEBRAE Capital Empreendedor, SEBRAE Like a Boss, Inovativa (Governo Federal) entre outros.

Palestrando desde 2016 sobre temas, como: Cultura de Inovação, Cultura de Startups, Liderança, Empreendedorismo, Vendas, Espiritualidade e Essência. Já esteve presente em mais de 230 eventos (número atualizado em dezembro de 2020). É conselheiro do ITESCS (Instituto de Tecnologia de São Caetano do Sul), bem como em outras empresas e associações. Lançou em dezembro de 2019 o seu primeiro livro “Vidas Ressignificadas” e em dezembro de 2020 “Do Caos ao Recomeço”.

Construir conhecimento só é possível quando colocamos o aprendizado em prática. O mundo está cansado de teorias que não melhoram a vida das pessoas. Meus artigos são fruto do que vivo, prático e construo.