PORTUGAL REABRE E TOTALMENTE AOS BRASILEIROS, VOCÊ ESTÁ PREPARADO?

Portugal reabre em setembro de 2021 e anuncia que está novamente aberto de forma total para receber os brasileiros.

Como já é do seu conhecimento, temos reiteradamente falado que quando o assunto é empreender em Portugal as fronteiras nunca estiveram fechadas.

Mas um importante passo foi dado com a reabertura total, pois abre novamente  as possibilidades de retomada do turismo.

O turismo é responsável por quase 12% das riquezas de Portugal. Este importante setor sofreu como nenhum outro uma redução gigantesca nas atividades. É um momento importante de retomada e prestar atenção no novo consumidor é importante.

Você está preparado para esta retomada? Temos percebido ao longo destes últimos meses uma enorme quantidade de brasileiros que retomaram seus planos para Portugal.

Neste artigo, quero elencar com você alguns pontos para ajudá-lo nesta retomada. Este conteúdo faz parte da coluna Ressignificando Portugal, e como você bem sabe, nosso amigo Cabral ficaria feliz por este momento.

Lembre-se de buscar os demais artigos desta série, muita coisa bacana já passou por aqui. Prometo ao final selecionar alguns para você aprofundar seu conhecimento.

A seguir, listo alguns cuidados que você precisa ter para aproveitar ao máximo esta retomada.

PORTUGAL REABRE: PLANEJAMENTO E ALINHAMENTO COM SEU PROJETO DE VIDA

Os melhores casos de sucesso quando falamos em começar uma nova vida em Portugal passam pelo planejamento bem estruturado deste projeto.

Nada começa neste sentido sem que antes você combine com sua família. Estamos falando de um projeto de vida. Seria irresponsável pensar que mudar para outro país. Família, amigos, parentes, trabalho, escola. Bem, tem muita coisa que precisa ser alinhada.

O correto planejamento das ações ilustram os casos que foram um sucesso e apontam o que deve ser corrigido.

Portugal reabre as suas fronteiras para muitos brasileiros como uma possibilidade. Mas não se iluda, não se deve fazer isso de forma desordenada. Sua empresa precisa ser validada neste processo e estruturada para isso.

Sua vida precisa ser organizada e repensada para Portugal. Passo a passo, crie sua lista de tarefas para começar a construção do seu novo projeto de vida.

NACIONALIDADE OU VISTO?

Você é descendente de portugueses ou irá com visto de empreendedor, ou de aposentado? Meses atrás eu escrevi o que chamei de um Guia completo de viver em Portugal. Reuni neste artigo uma série de informações para ajudá-lo neste processo.

Para aqueles que já têm nacionalidade portuguesa o caminho é mais fácil. Para aqueles que querem buscar por este direito, entre em contato conosco, que enviamos a você nosso parceiro que nos auxilia nesta demanda.

Mas se você não tem nacionalidade europeia, o visto D2 para empreendedores e o visto D7 para aposentados e investidores pode ser a melhor opção.

O visto D7 tem suas exigências ligadas ao valor que você tem de aposentadoria, mas também pode ser utilizado para quem quer investir em Portugal.

Com o visto D2, você pode ingressar como empreendedor. Lembre-se que as fronteiras nunca estiveram fechadas para quem quer empreender em Portugal.

Podemos ajudá-lo neste processo e ele deve ser feito com planejamento de tempo. Eles não são liberados a toque de caixa. Como tenho dito, planejar é essencial.

Leia também: O VALE DO SILÍCIO DA TECNOLOGIA EM PORTUGAL

PORTUGAL REABRE FRONTEIRAS: ATENÇÃO A SETORES QUE ESTÃO EM PLENA RECONSTRUÇÃO

Sempre gosto de pensar nas oportunidades que temos com nosso olhar brasileiro na criação de novos negócios. O tempo todo da minha vida falo com empreendedores sejam eles iniciantes, maduros ou sócios das nossas empresas.

Temos um olhar realmente diferenciado. Coloco para você a questão de estar atento aos segmentos que você pode empreender com um novo olhar percebendo as mudanças que já ocorreram no consumidor.

O segmento de turismo deverá ser completamente renovado. Quantas vezes aconteceram ao longo da história tais oportunidades? Bem elas são raras.

O economista austríaco Joseph Schumpeter (1883 – 1950), criou em sua obra o termo “DESTRUIÇÃO CRIATIVA”. Para ele, em uma economia de mercado apenas os empreendedores têm a capacidade de reconstruir tudo.

Segmentos como o de alimentação também ofereceram grandes oportunidades e tudo aquilo que você havia estudado pode ser novamente refeito sob outro olhar.

Outro movimento que acreditamos muito é o setor de franquias. Ele deve ser um dos expoentes de novos negócios. Por seu modelo estruturado cria a possibilidade de escala.

Estar atendo a novos modelos de franquias também é uma boa opção.

UMA MISSÃO DE NEGÓCIOS É UMA BOA FORMA DE RETOMAR SEUS PROJETOS

Sou um entusiasta do networking de qualidade. Você pode abrir novas portas e construir novas oportunidades estando perto de novas pessoas. Revitalizar sua rede de contatos gera a possibilidade de novos ciclos.

Faz toda a diferença no contexto de geração de negócios e na criação de novas redes. Uma missão empresarial tem esta capacidade. Imagine você em uma missão em Portugal com mais de 200 pessoas com os mesmos interesses que os seus?

RESSIGNIFICAR PORTUGAL COMEÇA AGORA

Adiar um projeto como Portugal não faz sentido quando ele é realmente algo que você deseja. Passo a passo caminhamos neste artigo por pontos essenciais do seu planejamento.

Quero ainda dizer para você que nossa conexão com Portugal vem de longe. E ela é bem maior do que muitos podem imaginar. Somos quase a mesma população de Portugal de descendentes no Brasil, diretos ou indiretos.

Nosso amor pelas origens passa pelo vinho que amamos e pelo Bacalhau que não pode faltar a mesa.

Venha conosco, esteja presente, entre em contato e comece agora mesmo a concretizar seu projeto de vida.

Agende um momento que conversamos e juntos começaremos esta jornada!

Forte abraço!

AUTOR:

BENÍCIO FILHO

Formado em eletrônica, graduado em Teologia pela PUC-SP, com MBA pela FGV em Gestão Estratégica e Econômica de Negócios, pós-graduado em Vendas pelo Instituto Venda Mais, Mestrando pela Universidade Metodista de São Paulo na área de Educação e pós-graduado em Psicanálise pelo Instituto Kadmon de Psicanálise. Atualmente está em processo de conclusão do curso de bacharelado em Filosofia pela universidade Salesiana Dom Bosco.

Atua no mercado de tecnologia desde 1998. Fundador do Grupo Ravel de Tecnologia, Cofundador da Palestras & Conteúdo, sócio da Core Angels (Fundo de Investimento Internacional para Startups), sócio fundador da Agência Incandescente, sócio fundador do Conexão Europa e da Atlantic Hub (Empresa de Internacionalização de Negócios em Portugal).

Atua também como Mentor e Investidor Anjo de inúmeras Startups (onde possui cerca de 30 Startups em seu Portfólio). Além de participar de programas de aceleração, como SEBRAE Capital Empreendedor, SEBRAE Like a Boss, Inovativa (Governo Federal) entre outros.

Palestrando desde 2016 sobre temas, como: Cultura de Inovação, Cultura de Startups, Liderança, Empreendedorismo, Vendas, Espiritualidade e Essência. Já esteve presente em mais de 230 eventos (número atualizado em dezembro de 2020). É conselheiro do ITESCS (Instituto de Tecnologia de São Caetano do Sul), bem como em outras empresas e associações. Lançou em dezembro de 2019 o seu primeiro livro “Vidas Ressignificadas” e em dezembro de 2020 “Do Caos ao Recomeço”.

Construir conhecimento só é possível quando colocamos o aprendizado em prática. O mundo está cansado de teorias que não melhoram a vida das pessoas. Meus artigos são fruto do que vivo, prático e construo.

Share This