A JORNADA COMEÇA QUANDO CHEGAMOS EM SANTIAGO DE COMPOSTELA

Em 2021 completo quatro anos da minha jornada em Santiago de Compostela. Na verdade, quatro anos do início de uma nova jornada em minha vida. Se fosse possível definir em três palavras como ressignifiquei minha vida após concluir o caminho eu diria: Coragem, Verdade e Recomeço.

Neste artigo, aprofundo as minhas experiências em Compostela com distância suficiente do que vive, maturidade para pensar e coragem para refletir. Venha comigo nesta jornada!

SIM, ERA UMA LINDA MANHÃ DE SOL

Era uma manhã linda de Sol, ele sempre caminhava conosco mesmo nos dias em que era a chuva que fazia de verdade a companhia. Quando deixamos em nossa vida a natureza e todos os seus astros interagirem com ela, colocamos a nossa humanidade no centro.

Durante a jornada de Santiago de Compostela, tivemos essa possibilidade de estar em contato com a natureza em todas as suas dimensões, ela foi a atriz principal da influência em nossas vidas.

Da essencialidade da água até a sombra das árvores, vivemos os vinte dias de caminhada sob a influência e companhia da mãe Terra.

Naquela manhã de Sol, iniciamos a nossa jornada por Oviedo. Terras asturianas dentro da Espanha, minha querida terra natal. Depois de caminhar muitos quilômetros entraríamos nas terras da Galícia, berço da minha família.

Começamos em oito pessoas, mas terminamos em nove. Bem, como isso aconteceu, deixo para você ler a obra.

A Coragem de começar a preparação para a jornada já é em si uma enorme força interior. Mas muitos fazem a jornada, porém poucos realmente entendem o caminho que fizeram.

Verdade é como poesia, pena que pouca gente gosta de poesia. Na jornada minha verdade foi exposta, questionada e ressignifiquei minha vida.

Recomeço! Ao chegar em Santiago de Compostela, comecei uma nova vida. Literalmente recomecei, meus filhos foram meus companheiros e sem ilusão não posso dizer aqui que apenas de alegrias foram estes momentos após Compostela. Muita dor e angústia encontramos quando queremos mudar, mas quatro anos após recomeçar a minha vida posso dizer que hoje estou no caminho que acredito ser o meu melhor momento.

SANTIAGO DE COMPOSTELA: SOMOS TODOS ELEMENTOS DA NATUREZA

Logo na preparação, sempre tive em mente que seria esse o caminho da minha vida. Pensei como a natureza seria fundamental em nossas reflexões e já em Oviedo na primeira noite dividi os oito peregrinos utilizando a tabela periódica tendo como base as colunas essenciais da família “A”.

Da coluna 1 “A” até a coluna 8 “A” todos tinham a sua referência dos elementos que aleatoriamente cada um pegou. Sabe o que mais é incrível? Os elementos eram justamente o que cada um de nós representava naquele momento.

Como as relações covalentes entre eles, foi possível construir uma associação de novos elementos ou ainda reações, vivemos na prática a grande maravilha que somos. Uma montanha de elementos que quando alinhados em sua energia podem literalmente construir uma enorme força.

Do peso do chumbo à leveza dos gases, somos parte dos elementos essenciais deste cosmo. Nossa conexão com ele depende do quanto estamos alinhados com a nossa essência e coragem de mergulhar e retomar o Sagrado perdido.

Inclusive, o Sagrado esteve sempre em nossa busca durante o caminho. Sua manifestação foi algo que realmente mexeu conosco. Sua face? Bem, sempre o feminino.

Leia também: DO CAOS AO RECOMEÇO: O MEDO DE SER FELIZ

A FACE DE DEUS É FEMININA: MARIA, MADALENA E BLANCA

Deus é feminino, por mais que isso possa parecer surpreendente para muitos, não tenha dúvida. Quando nos debruçamos inclusive na história é a face feminina de afetividade, amorosidade e vida que transcendem e são apresentadas a nós.

Ficamos duros, cegos e angustiados. Por isso, nos afastamos do Sagrado e mergulhamos em uma eterna depressão coletiva. Construir uma nova forma de ver a vida foi a minha busca em Santiago de Compostela.

Coragem, Verdade e Recomeço, se estas são as marcas de Compostela posso com certeza afirmar que quatro anos após começar minha nova vida, estou muito mais perto do Sagrado.

Sua face feminina está perto da minha existência não como culto, mas sim como vida. Quando o nosso olhar se volta para nós, vivendo o que realmente somos sem máscaras, podemos nos voltar a conexão que jamais podemos perder com o Sagrado.

Somos centelhas divididas e parte do cosmos. Tendo consciência do que somos, podemos transformar a nossa realidade e a de todos à nossa volta.

Fazer uma jornada é muito simples, mas recomeçar uma vida pressupõe Coragem e Verdade.

A obra poderia ter mais de mil páginas (talvez um dia eu reescreva com mais detalhes), mas o que vivi em boa parte pode ser percebido e sentido no livro que escrevi. Vidas ressignificadas é minha nova face. Com gratidão ao que vivi e com coragem de viver o que sou.

Convido você a fazer este caminho comigo!

Forte abraço e como dizemos em Santiago de Compostela, Buen Camino.

Como comprar minha obra?

SOBRE O AUTOR

Benício Filho

Formado em eletrônica, graduado em Teologia pela PUC-SP, com MBA pela FGV em Gestão Estratégica e Econômica de Negócios, pós-graduado em Vendas pelo Instituto Venda Mais, Mestrando pela Universidade Metodista de São Paulo na área de Educação e pós-graduado em Psicanálise pelo Instituto Kadmon de Psicanálise. Atualmente está em processo de conclusão do curso de bacharelado em Filosofia pela universidade Salesiana Dom Bosco.

Atua no mercado de tecnologia desde 1998. Fundador do Grupo Ravel de Tecnologia, Cofundador da Palestras & Conteúdo, sócio da Core Angels (Fundo de Investimento Internacional para Startups), sócio-fundador da Agência Incandescente, sócio-fundador do Conexão Europa e da Atlantic Hub (Empresa de Internacionalização de Negócios em Portugal).

Atua também como Mentor e Investidor Anjo de inúmeras Startups (onde possui cerca de 30 Startups em seu Portfólio). Além de participar de programas de aceleração, como SEBRAE Capital Empreendedor, SEBRAE Like a Boss, Inovativa (Governo Federal) entre outros.

Palestrando desde 2016 sobre temas, como: Cultura de Inovação, Cultura de Startups, Liderança, Empreendedorismo, Vendas, Espiritualidade e Essência. Já esteve presente em mais de 230 eventos (número atualizado em dezembro de 2020). É conselheiro do ITESCS (Instituto de Tecnologia de São Caetano do Sul), bem como em outras empresas e associações. Lançou em dezembro de 2019 o seu primeiro livro “Vidas Ressignificadas” e em dezembro de 2020 “Do Caos ao Recomeço”.  

Construir conhecimento só é possível quando colocamos o aprendizado em prática. O mundo está cansado de teorias que não melhoram a vida das pessoas. Meus artigos são fruto do que vivo, prático e construo.

Share This