TARTARUGAS EXPONENCIAIS

Como é bela a natureza. O melhor é quando paramos de querer entender tudo e apenas deixamos nossos sentimentos perceberem a natureza a nossa volta. Quase sempre, podemos tirar muitas lições da quantidade de conexões existentes no meio onde vivemos.

Uma grande lição que aprendi nos últimos dias, foi em uma nova visita que fiz a um lugar especial, que muito significa para mim, o projeto Tamar. Conheço este projeto deste muito perto do seu início. Era bem criança quando descobri através da revista Super Interessante o que este projeto tinha como objetivo.

Meus encontros com o mundo do conhecimento sempre se deram através da natureza. A riqueza natural do Brasil sempre foi para mim uma possibilidade enorme de conhecimento. Em nossas empresas, uma boa possibilidade de engajamento dos nossos colaboradores são os momentos de conexão que criamos entre eles e a natureza.

SERÁ QUE CONHECEMOS QUEM SOMOS?

Um dos nossos treinamentos oferecidos pelo Palestras e Conteúdo tem como base essa conexão. Ele se chama Conhece a Ti Mesmo. Vale a pena você compreender melhor o que oferecemos com ele.

Voltando ao Tamar, gostaria de explorar o conceito que chamo aqui de Tartarugas Exponenciais. No início dos anos 80, associações ligadas a proteção da vida marinha, perceberam um enorme declínio das espécies de tartarugas marinhas que vinham na costa brasileira. O declínio era tão grande que em alguns trechos do litoral não avistavam mais algumas espécies, ao longo do período de desova. Nasceu ai, o projeto Tamar.

Primeiro eles perceberam que a caça das tartarugas apenas diminuiria se os ribeirinhos tomassem consciência da preservação. Por outro lado, precisaria ser mudado o modelo de pesca praticado, pois milhares de tartarugas morriam em redes ou de outras maneiras ligadas à pesca.

Leia também: Há uma nova ONU nascendo na frente dos meus olhos!!!

Ano a ano, palestras, treinamento de ribeirinhos, monitoramento dos ninhos de desova, controle dos animais adultos, desenvolvimento de novas formas de pesca. Vejam, já faz 40 anos do projeto e embora as tartarugas ainda sofram pressões e corram riscos, mais de 40 milhões já foram devolvidas ao mar de maneira segura, dando a possibilidade das espécies marinhas sobreviverem.

O projeto, nos últimos anos, assim como você verá na foto que tirei de uma das unidades do projeto Tamar que visitei nestes dias, na praia do Forte, na Bahia, demostra a escalada no retorno das tartarugas marinhas ao nosso litoral, onde começa a ser provado o fenômeno da exponencialidade.

Tartarugas exponencias derivam de um conjunto de ações que propiciam o retorno dos adultos a maior probabilidade de sucesso das espécies, já que mais indivíduos são devolvidos ao mar e a captura, seja pela pesca ou para o consumo humano é reduzida, conscientizando uma geração inteira da necessidade de preservar esses animais. O movimento das tartarugas exponencias não acontecem por acaso. Exponencialidade não acontece a esmo. O conjunto de ações propiciam a criação de movimentos exponenciais.

EXPONENCIALIDADE ESTÁ MUITO ALÉM DE TER ESCALA

Se queremos gerar movimentos exponenciais, sejam eles na venda de produtos ou serviços, na geração de leads ou autoridade, e ainda na consolidação de um conceito criado, precisamos entender como a exponencialidade acontece.

Em um determinando momento o que era para ser um crescimento linear tornou-se exponencial, pois o ambiente criado proporcionou a escala do crescimento das tartarugas sem que elas mesmo entendessem esse movimento.

Em nossos negócios, crescimento exponencial apenas é atingido quando temos três pontos bem definidos. Vamos a eles:

            Produtos ou serviços aderentes ao mercado (soluciona o problema de fato): ou criamos negócios que solucionam problemas essenciais ou estamos criando empresas para apenas vendermos desconto. Briga no oceano azul de empresas que nada fazem de bom para o mundo.

            Mercado consumidor: exponencialidade apenas acontece quando existe um mercado consumidor grande o suficiente para gerar uma grande quantidade de clientes. Este ponto é bem interessante. É comum analisarmos empresas que seu mercado consumidor foi reduzido a nada por causa da concorrência ou ainda por mudanças de comportamento do mercado.

A não compreensão do mercado em que queremos inserir nossas empresas ou mesmo continuar oferecendo nossas soluções pode representar a aniquilação do sonho de criar exponencialidade. As tartarugas exponencias também nos ensinam muito sobre isso. Já imaginou que mais de 70% da terra é coberta pelos oceanos? Olha o universo que nossas amigas tartarugas tem de oportunidade e os riscos que correm para sobreviver.

            Margem de lucro saudável: boas margens são o segredo para construção de negócios exponenciais. Veja, posso ter preço final baixo ou assinaturas com valor médio pequeno, mas com margens bacanas. A dinâmica de margens saudáveis está diretamente relacionada a custos orientados a resultados, produtos e serviços com grande valor tecnológico e ainda modelos de negócios com a cadeia de geração conectada e interrelacionada.

As tartarugas exponencias nos mostram que é possível sobreviver mesmo em um mundo que parece não mais entender o que é natureza. A verdade exposta no projeto Tamar é que tendo o engajamento da comunidade, conscientização dos envolvidos na cadeia de valor e ainda um propósito forte, podemos mudar a realidade de qualquer cenário ou ainda criar novos movimentos capazes de gerar a exponencialidade que tanto queremos em nossos negócios.

O Palestras e Conteúdo se dedica a estudar os movimentos exponencias a mais de dez anos. Cultura de startup está em nosso DNA. Nossos sócios fundadores percorreram ao longo dos anos o mundo todo empreendendo, orientando empresários e gerando uma onda de empreendedorismo baseado em cultura de startup.

Sua empresa pode ser transformada com tudo que podemos oferecer. As tartarugas da exponencialidade nunca estiveram tão perto de você.

Sobre o autor,

Benício Filho.

Formado em eletrônica, graduado em Teologia pela PUC SP, com MBA pela FGV em Gestão Estratégica e Econômica de Negócios, pós graduado em Vendas pelo Instituto Venda Mais, Mestrando pela UNIFESP em Neurologia Oftalmológica na área de Empreendedorismo e pós graduado em Psicanálise pelo Instituto Kadmon de Psicanálise. Atua no mercado de tecnologia desde 1998. Fundador do Grupo Ravel de Tecnologia, Cofundador da Palestras & Conteúdo, Sócio da Core Angels (Fundo de Investimento Internacional para Startups), Conexão Europa e da Atlantic Hub (Empresa de Internacionalização de Negócios em Portugal), atua também como Mentor e Investidor Anjo de inúmeras Startups (onde possui cerca de 30 Startups em seu Portfólio), além de participar de programas de aceleração como SEBRAE Capital Empreendedor, SEBRAE Like a Boss, Inovativa (Governo Federal) entre outros. Palestrando desde 2016 sobre temas como Cultura de Inovação, Cultura de Startups, Liderança, Empreendedorismo, Vendas, Espiritualidade e Essência, já esteve presente em mais de 300 eventos (número atualizado em dezembro de 2019). É conselheiro do ITESCS (Instituto de Tecnologia de São Caetano do Sul) bem como em outras empresas e associações. Lançou em dezembro de 2019 o seu primeiro livro “Vidas Ressignificadas”.

Construir conhecimento só é possível quando colocamos o aprendizado em prática. O mundo está cansado de teorias que não melhoram a vida das pessoas. Meus artigos são fruto do que vivo, prático e construo.

Share This