O ALUNO NO EAD: O SUCESSO DEPENDE DE VOCÊ

Gosto de pensar que o aluno no EAD representa o melhor exemplo da transformação digital que teimávamos em não aceitar. Relutamos pelo inevitável mesmo quando tudo ao nosso redor já mudou. Estranho pensar que enquanto seres humanos precisamos do limite para fazer as transformações necessárias.

Tenho uma empresa de tecnologia há pouco mais de 20 anos. Nos últimos cinco já vivíamos as condições tecnológicas suficientes para que mais da metade dos colaboradores não precisassem se deslocar fisicamente até nossa sede.

O interessante dessa situação é que não conseguíamos fazer a mudança para um modelo menos presencial. A ideia era dividir a semana em turnos presenciais e turnos remotos, mas travávamos na mudança comportamental exigida para este novo cenário.

E como não é novidade para ninguém, estamos vivendo uma pandemia. Esse sim é um evento histórico que pouco sabemos ainda dos seus impactos. Provavelmente um dos impactos mais perceptíveis está se dando no mundo do trabalho e na educação.

Bem, no mundo do trabalho sou prova disso. Minha empresa de tecnologia até este momento já está completando quase 150 dias com todo o time on-line. Remotamente, estamos atuando, vendendo, crescendo e contratando. Não demitimos ninguém e pelo contrário contratamos nesse período.

Na educação a face mais evidente para mim é o EAD. Tudo já estava lá, universidades digitalizaram seus acervos, gravaram suas aulas, criaram suas plataformas e poucos alunos realmente acreditavam que era possível consumir educação por este canal.

A pandemia trouxe algumas lições interessantes. Uma delas é que podemos consumir educação de outras formas e em outros modelos. Vejo que neste segmento, não teremos volta. Teremos realmente uma nova forma de aprender. Ganhamos muito com isso, inclusive reduzindo o desperdício de recursos.

 

O ALUNO NO EAD: PARA TER SUCESSO NO ENSINO A DISTÂNCIA É PRECISO DISCIPLINA E ORGANIZAÇÃO

Uma coisa é termos consciência que o EAD é uma possibilidade incrível de aprendizagem. Fique claro, porém que ele não substituiu a troca de conhecimento presencial. Essencial para nosso crescimento enquanto seres humanos.

Outra coisa é termos disciplina e organização para compreendermos que o EAD tem como grande protagonista o aluno. Ele precisa ser o agente da sua própria educação. As universidades, escolas livres e pós-graduações disponibilizam imensas quantidades de conteúdo.

No quesito acesso a esses conteúdos pelas plataformas, não vejo problema algum. Mas em relação a qualidade destes conteúdos, estes sim temos que tomar cuidado. Nem tudo que existe realmente nos faz bem. Como dizia Paulo o apóstolo do novo testamento, “Podemos tudo, mas tudo nos convém? “

A resposto é não! Temos que selecionar as universidades e os cursos que realmente têm conteúdo relevante para cada um de nós. Mas seja sincero com você mesmo, nada adianta um conteúdo incrível sem que tenhamos a ação, disciplina e organização de acessá-lo, estudá-lo e aprofundá-lo.

O aluno no EAD é como o protagonista. Ele sim deve ter papel ativo de buscar esse conhecimento, organizar sua rotina de aulas com qualidade de tempo e condições de acessá-lo.

Organizar a frequência de acesso às aulas é o primeiro e fundamental ponto. Ter clareza da busca pelas atividades nas plataformas e criar uma consistência de estudos também irá impactar diretamente nos resultados.

Destaco ainda as diversas interações promovidas em muitos cursos, tais como murais de discussão ou aulas ao vivo que auxiliam na melhor absorção e integração do aluno com a instituição e também do aluno com os demais participantes do curso.

Leia também: EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA: BRAÇO FORTE DA TRANSFORMAÇÃO DIGITAL

 

PROCRASTINAÇÃO E DESORGANIZAÇÃO: COMO A GESTÃO DO TEMPO PODE COMPROMETER UMA FORMAÇÃO POR EAD

Somos brasileiros e sabemos como poucos povos no mundo a arte da procrastinação. Lembra da declaração do imposto de renda que ano a ano tem seu limite de entrega e sempre nos últimos dias derrubamos o site do governo, pois quase 80% das pessoas deixam para entregar na última hora?

Ou ainda o presente de natal, dia das mães ou dia dos pais que fazemos filas nas lojas ou enchemos os shoppings, pois todos querem comprar nos últimos instantes os presentes? Bem, estes somos nós brasileiros. Planejamento não é nosso forte, mas procrastinar o que pode resolver agora é quase uma arte em nossas terras.

Mas veja, querido amigo. Em uma formação EAD, procrastinar pode simplesmente inviabilizar sua formação. Datas e prazos não podem ser alterados uma vez que tudo, absolutamente tudo no EAD é disponibilizado com antecedência.

Gestão do tempo e compromisso em executar as tarefas são comportamentos básicos para o sucesso de uma formação por EAD.

Concordo com você que não é simples. Não aprendemos a ser organizados a planejarmos ou ainda a tomar decisões. Mas veja, os comportamentos exigidos em uma formação por EAD, não são para o EAD, mas são para sua vida.

Parte da formação EAD é ensinar aos alunos a se organizarem. Para finalizar meu texto, gostaria de comentar as vantagens de adotar a disciplina, organização e planejamento ao longo da vida.

 

TEMOS A OPORTUNIDADE EM UM CURSO EAD DE APRENDERMOS A PLANEJAR NOSSA VIDA

Uma formação por EAD permite que façamos uma nova jornada com protagonistas da nossa vida. Assumir a condição de únicos responsáveis pelo nosso conhecimento é um empoderamento transformador, esse é o papel que o aluno no EAD deve exercer.

Veja, não é regra. Mas aprender a ser protagonista em nossa educação pode literalmente transformar nossa vida. Quanta coisa procrastinamos que acabam se tornando enormes problemas? Quantas vezes, nossa falta de organização nos distanciam dos nossos objetivos ou se revelam grandes vilãs para que conquistemos nossos sonhos?

Em uma formação EAD, somos convocados a sermos o ator principal das nossas vidas. Reforço a necessidade de assumirmos esse papel com coragem e ação. Pouco adianta termos boas intenções, mas organizarmos um plano de estudos e termos a ação de colocá-lo em prática será o diferencial para uma mudança.

Não acredito que a educação esteja desconectada do nosso dia a dia. Portanto, ter um momento de alimentar nossa alma com uma educação de qualidade se torna cada dia mais necessário para sermos o que desejamos ser.

 

SOBRE O AUTOR:

Benício Filho.

Formado em eletrônica, graduado em Teologia pela PUC SP, com MBA pela FGV em Gestão Estratégica e Econômica de Negócios, pós-graduado em Vendas pelo Instituto Venda Mais, Mestrando pela UNIFESP em Neurologia Oftalmológica na área de Empreendedorismo e pós-graduado em Psicanálise pelo Instituto Kadmon de Psicanálise.

Atua no mercado de tecnologia desde 1998. Fundador do Grupo Ravel de Tecnologia, Cofundador dá Palestras & Conteúdo, Sócio da Core Angels (Fundo de Investimento Internacional para Startups), Conexão Europa e da Atlantic Hub (Empresa de Internacionalização de Negócios em Portugal).

Atua também como Mentor e Investidor Anjo de inúmeras Startups (onde possui cerca de 30 Startups em seu Portfólio), além de participar de programas de aceleração como SEBRAE Capital Empreendedor, SEBRAE Like a Boss, Inovativa (Governo Federal) entre outros.

Palestrando desde 2016 sobre temas como Cultura de Inovação, Cultura de Startups, Liderança, Empreendedorismo, Vendas, Espiritualidade e Essência, já esteve presente em mais de 300 eventos (número atualizado em dezembro de 2019). É conselheiro do ITESCS (Instituto de Tecnologia de São Caetano do Sul) bem como em outras empresas e associações. Lançou em dezembro de 2019 o seu primeiro livro “Vidas Ressignificadas”.

Construir conhecimento só é possível quando colocamos o aprendizado em prática. O mundo está cansado de teorias que não melhoram a vida das pessoas. Meus artigos são fruto do que vivo, prático e construo.

Share This